quinta-feira, 15 de dezembro de 2011

06 - ROMANCEIRO * Dezembro de 2011


Nas folhas do calendário,
os homens contam os dias
das contas deste rosário
que eu desfio e tu desfias…

Há dias de aniversário
e efémeras alegrias,
outros doendo o fadário
de angústias e litanias…

Em Dezembro estou agora.
Mais um ano que passou!
O inverno já não demora…

E o milagre nunca ousou
parar o tempo nesta hora
que Pedro depois negou…



José-Augusto de Carvalho
14 de Dezembro de 2011.
Viana*Évora*Portugal

Sem comentários: