segunda-feira, 28 de novembro de 2016

15 - DESTAQUE * Hasta siempre!



Falecimento de Fidel Castro

Morreu Fidel Castro, um dos grandes homens do século XX, figura fundamental e incontornável da América Latina e do mundo. Relembrando todo o percurso de revolucionário e estadista de Fidel Castro, e no dia em que há sessenta anos, o jovem revolucionário partiu do México para com mais 81 companheiros, iniciar a luta de libertação do povo cubano, a Associação de Amizade Portugal Cuba expressa os seu profundo pesar ao povo de Cuba, ao Governo e ao Partido Comunista de Cuba e ao Presidente Raul Castro bem como à restante família de Fidel Castro.

Homem de grande sensibilidade, humildade e sempre ligado ao seu Povo e à luta e emancipação dos povos.

Incansável lutador, revolucionário, líder da Revolução Cubana, homem de convicções, Fidel ficará na História pela sua coerência, determinação, sentido de justiça e apego aos valores do progresso social, da paz, da solidariedade internacionalista e do socialismo.

O Comandante parte hoje, após uma vida inteira dedicada ao seu povo e à sua pátria, mas a sua principal obra, o seu principal legado permanece bem vivo: a Revolução Cubana, com as suas extraordinárias conquistas em áreas como a educação, a ciência, a saúde e no acesso à cultura, entre muitas outras; e o seu povo, de onde veio e ao qual sempre se manteve profundamente unido, povo que prossegue com coragem, determinação e assinalável capacidade criadora, o caminho da defesa da Pátria Cubana, resistindo aos mais poderosos ataques, nomeadamente o bloqueio económico dos EUA contra Cuba.

Fidel Castro ficará na História como uma das personalidades mais marcantes do Século XX, não só pelo seu papel central na libertação de Cuba da terrível ditadura de Fulgêncio Batista, na condução da Revolução Cubana, mas também como um revolucionário que abraçou sempre as mais justas causas em defesa de todos os povos do Mundo e da Humanidade. A dedicação com que na recta final da sua vida se debruçou sobre questões como a paz ou o ambiente são disso exemplo, mas são sobretudo demonstradas na postura do Estado e do povo de Cuba face ao Mundo exemplo primeiro de solidariedade e de internacionalismo, em primeiro lugar para com todos os povos da América Latina, mas também com todos os povos do Mundo.

Fidel parte no dia de hoje, mas os seus ideais, o seu pensamento e o projecto de uma sociedade socialista permanecem na acção e na luta de todos aqueles que não se conformam com um Mundo marcado cada vez mais pela ofensiva do imperialismo, pelas injustiças, pela guerra e pela degradação do ambiente. O pensamento de Fidel Castro é ainda hoje mais importante quando o Mundo vive numa grande instabilidade, quando os povos estão confrontados com os riscos de conflito de grandes proporções, quando páginas negras da História surgem novamente no horizonte – como o fascismo – e quando os povos da América Latina – cujos processos progressistas se inspiraram na revolução cubana - são novamente alvo de uma violenta contra-ofensiva imperialista visando os seus direitos e soberania.

Todos aqueles que prosseguem a luta contra as injustiças, pelo progresso, a solidariedade e a paz, viram hoje partir um grande amigo solidário! Mas esses, nos quais se inclui a Associação de Amizade Portugal Cuba, irão dar seguimento ao seu legado, honrando dessa forma a sua memória e percurso de vida inigualáveis.

Morreu o Homem, mantem-se o projecto.

A luta continua! Hasta Siempre, Comandante! Venceremos!

A Direcção da

Associação de Amizade Portugal Cuba

Sem comentários: